|
L'amour pas pour moi
Fabiana Motta, 19.
Amante de arquitetura e francês.
“O que mata um jardim não é o abandono. O que mata um jardim é esse olhar de quem por ele passa indiferente… E assim é com a vida, você mata os sonhos que finge não ver.”
"E se você pensar em mim, avisa, não guarda não. Qualquer bobeira mesmo, nem precisa contar o que foi, só me deixa saber." - Soulstripper.     (via repaginou)
"É proibido não rir dos problemas
Não lutar pelo que se quer
Abandonar tudo por medo
Não transformar sonhos em realidade
Ter medo da vida e de seus compromissos
Não viver cada dia como se fosse um último suspiro." - Pablo Neruda  (via oxigenio-dapalavra)
incerteza-mata:

"basta lembrar que o piloto é você."